quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

Assunto: Minha infância de contos de fadas está , oficialmente arruinada.

Esqueça isso...
Oi, Oi galera. Fala aí beleza? Comigo está mais ou menos por que... Minha curiosidade é horrível! Estava eu pensando “Nossa como será a verdadeira história da Pequena Sereia?” juro, eu não deveria ter tocado nesse assunto! Ok, lá fui eu em um blog, ler a maldita história da Pequena Sereia. “Nossa como você é burra. Por que fez isso?” Olha só Falsiane... Minha curiosidade. Sério galera! Que história. Pelo menos ela ensina que nem sempre você consegue o amor que você julgava ser o da sua vida. Que ele te trata como uma criança (julgo eu que você não queira isso). Ok, depois disso eu fui ver outra história. A da Bela Adormecida. É uma pior que a outra. Você procura depois por que... É no mesmo site. E hoje para concluir, fui ver a da Alice. Depois que terminei de ler pensei “Ok, já que comecei agora vou terminar. Vou ver todos os lados obscuros das historinhas”. É, se você achava que, a princesa se dá sempre bem no final? Não. Você está totalmente enganado (ou enganada). Para a princesa cair no lado obscuro não é preciso vilão não!(A não ser a história da Rapunzel). Atenção! Não leia as histórias verdadeiras para crianças que ainda não contêm mais de 10 anos. Agora vem a minha visão sobre tudo isso. Eu acho que é normal por que, são contos que faziam sucesso naquele tempo. São contos que as pessoas gostavam de ler e contar de pais para filhos de geração em geração. Chegou a um ponto que os tempos foram avançando e as histórias precisavam ter um ar mais infantil e, foi isso que a Disney fez. Transformou os contos obscuros e os transformou em coisas adequadas para crianças. E é isso pessoas, até o próximo post e FUI! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário