terça-feira, 25 de agosto de 2015

Assunto: Meu cabelo... ROXO!






Olá seres humanos ou Et’s tudo bem com vocês? Hoje eu vou falar sobre os meus planos para o meu lindo cabelo. Bom, eu pretendo pintar ele de... ROXO! “Nossa! Que coisa mais brega!” “Coitada, vai ficar escrava do próprio cabelo”. Calma, não vai ser ele todo apenas algumas mechas além do mais gente, eu não queria pintar o cabelo por causa de tudo isso que vocês estão falando! Eu sei que vou ter que cuidar mais dele, eu sei que vou gastar um pouco mais de dinheiro mas, segundo a minha mãe beleza é cara (além de algumas vezes doer). Olha, eu fico mais me preucupando com o que os crentes da minha escola vão pensar, o que a minha coordenadora vai pensar, o que meus professores vão achar. Gente, seu eu ligasse para isso eu nunca teria mostrado uma tarefa à minha professora de português, ou então nunca teria feito uma apresentação envolvendo o canto. Por causa do receio. “Ai meu Deus eu não vou pintar meu cabelo por que a professora de matemática não vai gostar.” “Não vou cantar no culto por que vai que eu levo uma vaia”. Esse negócio de pintar o cabelo me fez ver que o nosso medo, não nos deixa fazer absolutamente NADA!  Olha só, eu venho com essa idéia de pintar o cabelo de uma cor “fantasia” desde o ano passado. Não pintei por causa disso tudo. Mas, quando cheguei no sexto ano, dei de cara com uma segunda realidade, uma menina de cabelo azul. Foi aí que eu disse para mim mesma “se ela tem o cabelo azul, porquê eu não posso ter?” Daí eu assisti um filme em que a minha personagem favorita tinha o cabelo roxo e foi ai que eu liguei pro meu sac e disse “quero pintar meu cabelo de roxo”. Eu venho pesquisando sobre essa coisa de colorir os meus cachos e vi que, sim é uma boa. Se quem não gostar não gostou e quem achar bizarro ache. Estou decidida mais do que tudo. E é isso gente. Fui!

sexta-feira, 21 de agosto de 2015

Médicos... que saco!

Olá seres humanos ou outros seres que sabem contar, ler e escrever. Tudo bem com vocês? Então, o assunto de hoje é (já está no título) médicos. Olha só eu adoro os médicos eles são ótimas pessoas mas, (sempre tem um "mas") eu não me simpatizo com a demora. Olha só, eu não sou muito paciente, e quando não tem wifi ou um livro pra ler eu fico doida. Hoje eu fui à minha dermatologista e, ela não é chata pelo contrário, ela é muito simpática (gostei muito dela). O problema foi a demora. Tinha muita gente na minha frente. Ou eu comentava e assistia o que passava na TV ou eu teria um piripaque. Bom, hoje eu dei altas risadas no consultório (bom, pelo menos eu queria ter dado). Me lembrei de um seriado, "Henry Danger", ele tem um episódio que, ele tem pouco tempo pra dormir e tem que estudar pra prova sobre Porto Rico. "Ô Luiza, mas o que isso tem a ver com os médicos." Ô Falsiane, cala a boquinha que já já eu chego lá.Sim continuando... Ele acaba usando um capacete que, permite que as pessoas absorvam todo o conhecimento sobre determinada coisa em poucos segundos (ai como queria ter um desse pra tirar 10 nas provas) MAS, ao usar isso, Henry tem efeitos colaterais. Tipo: Trocar as ordens das palavras e, de vez em quando dar gritos (do nada). "Conta logo o que isso tem a ver!" Cala boca Falsiane. Lá no consultório, de vez em quando tinha uma menina gritando. Aí eu sussurrei "Ô mainha, tem uma menina como Henry do episódio de ontem." Bom, pra variar minha mãe morreu de rir
Só pra mostrar que demora muito eu comprei um livro de 150 páginas e terminei em um resto de manhã. 
Se você curtiu comente aê se tem você tem uma experiência dessa no médico.
E eu fico por aqui e... FUI!

sábado, 15 de agosto de 2015

Você sabia? Bob Esponja

Olá seres humanos ou outros seres que estão lendo isso. Tudo bem com vocês? Espero que sim.
Hoje vamos falar sobre esse cara:


Então. Não vai ser sobre só o Bob Esponja e sim sobre toda a sua turma.


1. Julgam que, a turma do cara amarelo representa os pecados capitais (pelo menos alguns deles)

Sandy Bochechas - orgulho. É, pode ver. Ela diz que os mamíferos terrestres são melhores do que os animais marinhos. Também fica se gabando por ser o único esquilo do texas à viver no fundo do mar.
Seu Sirigueijo - A ganância. Já da pra ver de cara. Em todos os episódios alguma coisa envolve dinheiro por parte de S. Sirigueijo.
Gary - A gula. "Mas o Gary é só um caracol". Eu sei. Em alguns (a maioria) episódios, o Bob Esponja sempre que viaja, ele deixa uma listona de coisas sobre o Gary e a primeira sempre é "Lembrar de dar comida ao Gary". 
Patrick - Preguiça. Não tenho nada a dizer. Já ta na cara.
Lula Molusco -  Ira. Ele sempre está irritado com alguma coisa.
Plancton - Inveja. É... pra quem assiste nem tem que contar. Ele sempre está tentando pegar a "Fórmula secreta do Hamburger de Siri".
Bob Esponja - Luxúria. Ele está sempre tentando fazer tudo perfeito e tem muito apego às coisas materiais.

2. Quantos anos você acha que o Bob tem? Tempo para você pensar. Não sabe? 29 anos. Eu sei que ele tem cara de 14, mas fazer o que né.

3. Falando em idade. Quantos anos você acha que o S. Sirigueijo tem? Tempo! Nem um pingo de ideia. 73 anos. Estou pensando ir morar no mar. Faz um bem danado para a pele não acha?

4. Você pensa que o criador era um sujeito normal? Não, você pensou errado. Ele é um biólogo marinho.

Pois é pessoas. Espero que tenham gostado e... FUI!

P.S: Acesse para mais informações:https://www.youtube.com/watch?v=bXJW34V_eO8

P.P.S: Comentem se vocês gostaram e também com que personagem do Bob Esponja você mais se parece.

sábado, 8 de agosto de 2015

Músicas de crianças.


Olá seres vivos que têm a internet em suas adoráveis vidas, tudo bem com vocês? Espero que sim. Hoje eu venho falar sobre as músicas de crianças. Às vezes penso que em vez de educar, mostram o mundo como é. Não é descriminação com nada e se você, meu caro leitor, acabou de rir por que pensa que isso é uma besteira, eu digo que não é. Pode-se ver na música "Atirei o pau no gato". O nome já diz que é uma ação malvada com o pobre do gato. Porque, pensem comigo, o gato não lhe fez nada e você inventa de atirar o pau no pobre do gato. Isso é maldade. Pô, o gato é inocente. E a dona Chica não fez NADA como o moleque que atirou o pau no gato.
Vou continuar com a música da minhoca. Pra quem é novo e/ou não tem filhos ela é mais ou menos assim:
"Minhoca, minhoca, me dá uma beijoca. 
Não dou, não dou.
Então eu vou roubar(...)" Pronto, com esta parte da música dá pra ver que ele pode estar ensinando que, quando a outra pessoa não aceita o que você faz? Vai roubar dela. Gente, meu Deus né. Também tem a música da galinha pintadinha. 
"A galinha pintadinha e o galo carijó. A galinha usa saia e o galo paletó(...)" Como um galo usa paletó e a galinha saia?
"A galinha ficou doente e o galo nem ligou(...)" Que galo mais safado. Ele nem liga pra galinha que está doente! Eu acho que ele deveria cuidar dela, mas não, ele não está nem aí. 

E é isso pessoal, ficamos por aqui. Se você gostou dá um like. Se você conhece mais músicas de criança que não fazem nenhum sentido, comenta ela pra mim! Bjô e até mais. Fui!